Você está deixando o Portal Médico GSK

Você está prestes a deixar o site da GSK. Ao clicar neste link, você será direcionado a um site que não pertence ou é controlado pela GSK. Portanto, a GSK não é responsável por demais conteúdos presentes neste site.

Continuar

Voltar

  

Autopsy Findings and Venous Thromboembolism in Patients with COVID-19

Autores:

Wichmann D1, Sperhake J-P1, Lütgehetmann M1, Steurer S1, Edler C1, Heinemann A1, Heinrich F1, Mushumba H1, Kniep I1, Schröder AS1, Burdelski C1, de Heer G1, Nierhaus A1, Frings D1, Pfefferle S1, Becker H2, Bredereke-Wiedling H3, de Weerth A4, Paschen H-R5, Sheikhzadeh-Eggers S6, Stang A2, Schmiedel S1, Bokemeyer C1, Addo MM1, Aepfelbacher M1, Püschel K1, Kluge S1.

Procedência:

1. Universidade Medical Center Hamburg-Eppendorf, Hamburg, Alemanha; 

2. Hospital  Asklepios Barmbek, Hamburgo, Alemanha; 

3. Hospital Bethesda Bergedorf, Hamburgo, Alemanha; 

4. Hospital Agaplesion Diakonie, Hamburgo, Alemanha; 

5. Hospital Amalie Sieveking, Hamburgo, Alemanha; 

6. Hospital Asklepios Saint Georg, Hamburgo, Alemanha.

 


Resumo

Os autores descrevem os achados de autópsia completa (inclusive tomografia post-mortem, histopatologia e análise virológica) de 12 pacientes com COVID-19 (coronavirus disease 2019) em Hamburgo, Alemanha. Todas as autópsias foram realizadas no Departamento de Medicina Legal da University Medical Center Hamburg-Eppendorf.

  • Características da população estudada:
    • Idade média de 73 anos.
    • 75% homens.
    • 10 indivíduos morreram no hospital. Metade destes indivíduos encontravam-se sob diretrizes avançadas de cuidados de suporte quando vieram a óbito.
    • 50% dos indivíduos possuíam diagnóstico clínico de doença arterial coronariana, e 25% diagnóstico de DPOC ou asma.
  • Achados:
    • Ocorrência de tromboembolia venosa (TEV) em 7 de 12 pacientes, 2 indivíduos não apresentavam diagnóstico clínico de TEV.
    • Tromboembolismo pulmonar foi a causa direta da morte de 4 pacientes (25%).
    • Houve bilateralidade em todos os indivíduos com trombose venosa profunda.
    • Onze pacientes possuíam algum grau de cardiopatia detectável, incluindo a ocorrência de esclerose da artéria coronária em 7 de 12 pacientes.
    • Os indivíduos apresentaram uma clara tendência à obesidade.
    • Três indivíduos apresentaram esplenomegalia.
    • Observou-se Dano Alveolar Difuso em 8 de 12 pacientes, com importante aumento do peso do pulmão.
    • Todos os indivíduos apresentaram altas concentrações de RNA viral no pulmão.
    • Foi identificada viremia moderada em 6 pacientes, sendo constatada alta carga viral no fígado, rins ou coração de 5 destes indivíduos.

A alta incidência de eventos tromboembólicos nos pacientes estudados aponta para importante papel da coagulopatia induzida por COVID-19.

  • Refêrencias

    1.  WICHMANN, D. et al. Autopsy Findings and Venous Thromboembolism in Patients with COVID-19. Ann Intern Med. 2020 May 6. doi: 10.7326/M20-2003.

     

Para ter acesso ao artigo na íntegra, acesse:
https://www.acpjournals.org/doi/10.7326/M20-2003

Prognostic Value of Interleukin-6, C-Reactive Protein, And Procalcitonin in Patients With COVID-19

Autores:

Liu F1, Li L1, Xu M1, Wu J1, Luo D1, Zhu Y1, Li B1, Song X1, Zhou X1.

Procedência:

1. Departamento de Anestesiologia, Hospital Geral do Comando do Teatro Central do PLA, Wuhan, China.


Resumo

Os autores investigaram a possibilidade de predição da ocorrência de casos leves e graves de COVID-19 (coronavirus disease 2019) a partir da análise dos níveis séricos de interleucina 6 (IL-6), Proteína C Reativa (PCR) e Procalcitonina (PCT) em pacientes com COVID-19 admitidos no General Hospital of Central Theater Command of People’s Liberation Army, China.

  • Características do estudo e população analisada:
    • Estudo retrospectivo e observacional envolvendo 140 pacientes com COVID-19.
    • Amostras de sangue dos pacientes foram colhidas na manhã seguinte às suas internações.
    • Gravidade dos casos de COVID-19: 107 pacientes leves, e 33 graves.
    • Maiores médias de idade foram observadas nos pacientes graves.
  • Resultados:  
    • Na admissão, os pacientes apresentavam dosagens séricas elevadas de:
      • IL-6, 95 pacientes (67,9%).
      • PCR, 91 pacientes (65,0%).
      • PCT, 8 pacientes (5,7%).
    • Pacientes com níveis de IL-6 > 32,1 pg/mL, PCR > 41,8 mg/L e PCT > 0,07 ng/mL possuíram maior propensão para complicações graves.

Os achados reforçam a importância da tempestade citocínica nos pacientes portadores de COVID-19. Validação do nível sérico de PCT como fator independente de gravidade apresenta-se pouco consistente na literatura, porém IL-6 e PCR apresentam correlação significativa e podem ser utilizados como fatores independentes preditivos da gravidade da doença.

  • Referências

    1.  Liu, F. Et al.  Prognostic Value of Interleukin-6, C-Reactive Protein, And Procalcitonin in Patients With COVID-19J Clin Virol. 2020 Apr 14. doi: 10.1016/j.jcv.2020.104370.