Você está deixando o Portal Médico GSK

Você está prestes a deixar o site da GSK. Ao clicar neste link, você será direcionado a um site que não pertence ou é controlado pela GSK. Portanto, a GSK não é responsável por demais conteúdos presentes neste site.

Continuar

Voltar

Um estudo clínico randomizado mostra os benefícios da melhoria da terapia integrada para o transtorno de ansiedade generalizada

Um número considerável de pacientes submetidos a terapia cognitivo-comportamental (TCC) para Transtorno de Ansiedade Generalizada (TAG) respondem apenas parcialmente, não respondem nada ou apresentam recidiva após o tratamento.1 Isso sugere que, embora a TCC possa ser uma opção de tratamento eficaz para TAG em muitos casos, existe potencial para melhora.1

A combinação de TCC com entrevistas motivacionais (EM) para o tratamento de ansiedade foi recomendada, porém não avaliada sistematicamente em estudos clínicos bem controlados.1

Esse estudo clínico randomizado mostrou que a combinação de EM e TCC pode gerar resultados em longo prazo melhores, comparado à TCC isolada.1

Não foram observadas diferenças nos resultados entre pré e pós-tratamento entre os dois grupos de tratamento, inicialmente. Contudo, ao longo do período de acompanhamento de 12 meses, os pacientes que haviam recebido EM-TCC apresentaram melhorias significativamente maiores do que aqueles que haviam recebido apenas TCC, incluindo taxas mais altas de:1

  • Diminuição da preocupação (γ=0,13, p=0,03)1
  • Redução da angústia geral (γ=0,12, p=0,01)1

Além disso, a EM-TCC levou a:

  • Taxa de abandono do tratamento reduzida em 2 vezes
    • Taxa de abandono de 10% para EM-TCC comparado com 23% para TCC isolada, p=0,091
  • Probabilidades 5,49 vezes maiores de não atender aos critérios de diagnóstico de TAG em 12 meses1
    • 60% dos pacientes recebendo EM-TCC, comparado com 35% dos pacientes recebendo TCC isolada1

Esse estudo oferece evidências para os benefícios da integração de EM e TCC para o tratamento de TAG severa.1 Os autores concluíram que o tratamento com TCC pode ser melhorado através do treinamento de terapeutas para responder e intervir apropriadamente à resistência e ambivalência do paciente durante o tratamento.1

Lista de Referências

1. WESTRA, HA. et al. Integrating motivational interviewing with cognitive-behavioral therapy for severe generalized anxiety disorder: an allegiance-controlled randomized clinical trial. J Consult Clin Psychol, 84(9):768-782, 2016.